Início » Vice-premiê da Itália pede por ‘cessar fogo imediato’ após mortes em entrega de comida em Gaza

Vice-premiê da Itália pede por ‘cessar fogo imediato’ após mortes em entrega de comida em Gaza

01 de março de 2024 - Por Comunità Italiana
Vice-premiê da Itália pede por ‘cessar fogo imediato’ após mortes em entrega de comida em Gaza

A morte de dezenas de palestinos durante uma distribuição de ajudas humanitárias na Faixa de Gaza na quinta-feira (29) pode complicar as já intrincadas negociações entre Hamas e Israel para um cessar-fogo temporário. Segundo o grupo fundamentalista islâmico, pelo menos 104 pessoas foram mortas por forças israelenses e 760 ficaram feridas enquanto esperavam em uma fila por alimentos na Cidade de Gaza, principal município do enclave e devastado nas primeiras semanas do conflito.

“As negociações conduzidas pela liderança do movimento não são um processo aberto a despeito do sangue do nosso povo”, alertou um comunicado do Hamas, que já culpa Israel por um eventual fracasso das tratativas.

No entanto, um porta-voz militar do país judeu disse que palestinos “cercaram” e “saquearam” caminhões de ajuda no norte de Gaza e colocaram tropas israelenses em risco.

“No incidente, dezenas de pessoas foram pisoteadas pela multidão”, afirmou o Exército, acrescentando que os soldados “dispararam contra quem cercava” o comboio. Além disso, as forças israelenses divulgaram um vídeo que mostra pessoas circundando os caminhões .

Já o ministro da Segurança Nacional de Israel, Itamar Ben-Gvir, de extrema direita, cobrou o fim da distribuição de ajudas humanitárias em Gaza. “Hoje ficou provado que isso não é apenas loucura enquanto nossos reféns continuam na Faixa, mas também prejudica os soldados do Exército”, declarou.

O governo dos Estados Unidos, por sua vez, definiu o episódio como “incidente grave” e lamentou a “perda de inocentes vidas humanas” no enclave palestino, enquanto o presidente Joe Biden já disse ser “provável” que os dois lados não cheguem a um acordo para a próxima segunda-feira (4).

O vice-premiê e ministro das Relações Exteriores da Itália, Antonio Tajani, afirmou que as “trágicas mortes” de palestinos durante a distribuição de ajuda humanitária na Faixa de Gaza exigem um “imediato cessar-fogo”.

Segundo o grupo fundamentalista Hamas, que controla o enclave, o número de vítimas no incidente já passa de 100, enquanto Israel afirma que a maioria das mortes foi provocada por um tumulto enquanto as pessoas tentavam cercar o comboio de caminhões.

“As trágicas mortes em Gaza exigem um imediato cessar-fogo para favorecer mais ajudas humanitárias, a libertação dos reféns e a proteção dos civis”, escreveu Tajani no X (antigo Twitter).

“Pedimos com força a Israel que proteja a população em Gaza e investigue fatos e responsabilidades com rigor”, acrescentou.

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

ENQUETE

Loading poll ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • Sun Cloud
  • 09h13
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.